Os olhos avermelhados estampavam no semblante de Jair Ventura e dos jogadores do Botafogo o cansaço após um dia cheio e quase seis horas de viagem até o Uruguai. Mas nada que impedisse o sorriso de aparecer ao perceberam a recepção dos torcedores na porta do hotel em Montevidéu, mesmo no meio da madrugada. A delegação desembarcou pouco depois de 1h (de Brasília) com festa de um grupo de aproximadamente 50 torcedores, a maioria hospedada em outros lugares da cidade. Eles espantaram o sono e o frio de 13°C para apoiar o time, que nesta quinta-feira começa a decidir uma vaga nas quartas de final da Libertadores com o Nacional-URU.

Gritos de “olê, olá, a Taça Libertadores eu vou ganhar” e de “P… que pariu, é o melhor goleiro do Brasil, é Jefferson” dividiam momentos com o hino do clube. O goleiro foi um dos mais assediados com pedidos de fotos. Os alvinegros começaram a chegar em Montevidéu na segunda-feira, e nesta terça vários torcedores tomaram a cidade e circularam nas ruas com camisas e bandeiras do clube. Devido à demanda, o Nacional-URU liberou uma arquibancada inteira para a torcida do Botafogo.

Fonte: Globoesporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *