A Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara Federal aprovou na última quarta-feira (8/11) requerimento de autoria do deputado Eduardo da Fonte (PP-PE) convocando o presidente do Banco do Brasil, Paulo Rogério Caffarelli, para dasr explicações sobre o fechamento de agências no interior de Pernambuco.

Segundo o deputado, “o Banco do Brasil vem fechando agências de forma irresponsável. Há aposentados que têm que percorrer até 200 quilômetros para ter acesso a uma agência. Isso prejudica a economia na cidade e cria transtornos aos pais de família”.

Ele disse também que o BB é um banco público e, como tal, tem que ter “responsabilidade social” com a população e não apenas visar lucro.

Eduardo da Fonte pediu também a presença na audiência, que deverá ser realizada ainda este mês, de representantes do Ministério Público Federal e do presidente da Amupe, José Patriota (PSB), que iniciou uma luta em Pernambuco contra o fechamento de sete agências. Elas foram arrombadas por bandidos e por esse motivo a superintendência regional do BB alega que não pretende mais reabri-las por absoluta falta de segurança.

Segundo o deputado, para conter despesas, o Banco do Brasil já fechou mais de 550 agências no País, só este ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *