O picolé é exclusivo para adultos e contém 3,6% de teor alcoólico 

Em produção artesanal que se assemelha a um drink congelado no palito, com suco de limões espremidos manualmente, um a um, acrescidos de aguardente PITÚ e açúcar, o picolé de caipirinha é a fórmula mágica da perfeição ao sol a pino dos meios-dias de Carnaval. A ideia de unir dois produtos que fazem a cabeça do folião surgiu da maior indústria de cachaça e da maior rede de sorveteria de Pernambuco, a PITÚ e a FRISABOR, respectivamente, que se uniram na missão de criar um produto que ao mesmo tempo refresca e esquenta o passo de “quem é de fato um bom pernambucano”. Com 3,6% de teor alcoólico explícito na embalagem, o Picolé de Caipirinha compõe a categoria de “picolés exclusivos para adultos” da FRISABOR e, por ser produzido com cachaça, será comercializado somente para maiores de 18 anos.

No período pré-Carnaval, a partir da sexta-feira, 14 de fevereiro, o público encontrará os picolés de caipirinha nas 25 lojas da FRISABOR. Já no período oficial de Carnaval, as marcas estimam disponibilizar aos foliões milhares de picolés em alguns eventos, como o camarote oficial do maior bloco em linha reta da América Latina, o Galo da Madrugada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *