O prefeito eleito de Vitória de Santo Antão, Paulo Roberto (MDB), anunciou na noite desta quinta-feira (19), a comissão de transição para acompanhar a passagem entre o governo atual e a nova gestão.

Acompanhado do vice-prefeito, Edmo Neves, vereadores eleitos, do deputado estadual Joaquim Lira (PSD) e outras lideranças políticas do município, Paulo elencou os profissionais que vão cuidar da parte burocrática e avaliar os processos administrativos pertencentes ao Executivo.

“A campanha eleitoral acabou no momento que encerrou a contagem dos votos. Nós fomos eleitos não como prefeito de um número, de cores ou de um grupo. Fomos eleitos para comandar o Executivo da cidade da Vitória de Santo Antão e é dessa forma que iremos nos conduzir, com o apoio de todos que querem trabalhar por Vitória”, destacou o prefeito eleito.

De acordo com Edmo Neves, que vai coordenar a equipe, o procedimento inclui a nomeação dessa comissão pelo prefeito eleito e a atual gestão tem um prazo de dez dias para nomear também uma comissão. “Nós iremos dialogar para sermos apresentados à realidade da prefeitura de Vitória e já iniciar o mandato ciente das urgências que iremos precisar atuar”, explicou.

Fazem parte da comissão: Eudes Lorena, doutor em Saúde Pública; Wildebrando Rodrigues, contabilista, especialista em Gestão Financeira, Controladoria e Auditoria; Cristiano Dornelas, mestre e doutorando em Educação; Risomar Gomes, bacharel em Direito; Roberto Bezerra Junior, engenheiro civil e contabilista; Joeides Pereira, economista e mestre em Economia Internacional; Felipe Moura, advogado e mestre em Direito; Bruno Medeiros, engenheiro eletricista, especialista em Segurança do Trabalho; Edilson Araújo, bacharel em Direito; e Carmelo Souza, bacharel em Direito, mestre e doutor em Educação.

No ato, também foi anunciado que será criado o Portal da Transição, para que a população possa acompanhar de perto os dados. Além disso, também será solicitado o acompanhamento de membros do Ministério Público de Pernambuco (MPPE).

Paulo Roberto e Edmo Neves foram eleitos com 40.655 votos o que representa 55,43% dos votos válidos. Até a posse, em primeiro de janeiro, são poucos mais de um mês e dez dias.

PEGOU NO BATENTE – No primeiro dia de trabalho após a eleição, Felipe César (PP), já utilizou suas redes sociais para anunciar sua primeira ação. Mesmo sem ter assumido a cadeira do legislativo, o que ocorre apenas no dia 1ª de janeiro, o vereador eleito divulgou que seu comitê de campanha agora vai servir como um centro de triagem para dependentes químicos. A pauta é constantemente explorada pelo político, que lidera o projeto Vitória para Cristo, ressocializando usuários de drogas.

ESCLARECIMENTO – Após a veiculação de algumas imagens mostrando veículos da Secretaria de Saúde transportando mobiliários de alguns prédios públicos ligados à gestão, a Prefeitura de Vitória divulgou um comunicado desmentindo informações que circulam nas redes sociais. A nota esclarece que o funcionamento dos serviços de saúde segue normalmente, contrariando as mensagens que estão sendo compartilhadas na internet.

MEME – A revolta de dois candidatos que não tiveram sucesso no pleito eleitoral de Vitória viralizaram nas redes sociais. Devido à pouca quantidade de votos (57), Maria do Ouro (PTC), utilizou o WhatsApp para desabafar e disse que ia ter gente “saindo algemada” depois que ela “pegasse o disquete” das urnas. Já Moises Cabeleireiro (DEM) gravou um vídeo dizendo que não entraria em política nunca mais, depois de ter tido apenas 3 votos. “De meia noite tinha 700 votos, como agora só tem 3?”, indagou o candidato.

PRESIDÊNCIA – A presidência da Casa Diogo de Braga já pode estar sendo definida nos bastidores, mas só deve ser oficializada no primeiro dia do ano que vem, no evento de posse. André de Bau (PSD), Mano Holanda (PSD) e Lourinaldo Júnior (MDB) são nomes cogitados nos corredores da Câmara para lideraram o legislativo. Pesam a favor deles o fato de estarem reeleitos e serem da base governista.

Por Marcio Souza e Danilo Coelho, para o Blog Nossa Vitória

Foto: Lays Freitas/Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *